Páginas

Tradutor .

quinta-feira, 28 de outubro de 2010

Leia baixo , com calma e nao grite !

Oi, você não me conhece. Você não me vê. Só sabe que eu existo.
Vou te contar um segredo. Eu gosto de aprontar com as pessoas.
É, principalmente as boazinhas. Você é boa ou má? Se for boa... Eu vou te torturar todos os dias, todas as noites, todas as horas, todos os segundos de cada dia eu vou estar cada vez mais violenta. Se você foi má... Te arrasto pro inferno junto de mim, assim sua carne vai queimar e apodrecer como a minha.
Ah, que indecência a minha, nem me apresentei. Sou Catarina, tenho 12 anos. Todos os dias alguém morria na minha escola, todo mundo mudava de escola, só eu ficava, até que chegou minha vez, o Zelador me capturou, me espancou, me estuprou, e me deixou sofrer por uma semana sem água nem comida. Até que ele entrou na sala, se aproximou de mim e disse: Você foi a que mais durou.
E a última coisa que eu vi? A escuridão. O que eu senti? Dor. O que eu ouvi? Meus gritos de dor que ecoavam por toda a sala.
Meus pais nem se deram o trabalho de chamar a polícia ou prender o cara, eu era apenas uma criança sem nenhum valor para eles, foi mais um alívio para eles, eu ter morrido. Então, como eu disse eu gosto de aprontar com as pessoas, então eu fui na casa dos meus pais, e os matei. Lentamente... Com muita dor. Ah, foi uma sensação muito boa.
Bem, chega desse Blá,blá,blá chato. Você é uma pessoinha boa ou má? Decida logo, nesse momento estou do seu lado vendo você ler minha pequena cartinha. Não se assuste com minha aparência. Não é dela que você tem que ter medo.

1 comentários:

LeNNoN | SkORk on 29 de dezembro de 2011 08:27 disse...

Gostei do seu blog ... tem alguns contos interesantes ... vou add nos favoritos espero ver mais posts como esse ...

Postar um comentário

Visualize mais postagens .

Voce é o visitante ...

 

**Desenho: Mamanunes Templates **Inspiração:Ipietoon's **Imagem digital: Kazuhiko Nakamura